quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Dica da Semana: Diário de um Jornalista Bêbado


Lançado em 2011 o longa é baseado no romance de Hunter S. Thompson e conta a vida do jornalista Paul Kemp após este viajar para Porto Rico e passar a trabalhar lá.


O livro é uma autobiografia que conta sobre o período que Thompson trabalhou em um jornal em Porto Rico. Lançado em 2008, este foi o segundo romance escrito pelo jornalista conhecido como criador do jornalismo gonzo¹.


Dirigido por Bruce Robinson, a adaptação do livro foi uma proposta do ator e amigo intimo de Thompson, Johnny Depp, que ficou alguns anos insistindo para que a proposta saísse do papel. Grande imitador do jornalista, segundo o site omelete, é o próprio Depp interpreta o personagem principal.




Trailer 






segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Orgulho e Preconceito - um Clássico transformado em longa

Última adaptação aconteceu em 2005
Seja na literatura ou no cinema, um clássico sempre é um clássico. Mas quando um clássico literário é adaptado ao cinema a curiosidade aparece na sua melhor forma para tentar descobrir de o filme faz justiça ao livro. Foi pela curiosidade de saber se o filme Orgulho e Preconceito era mesmo parecido com o livro, como tinha dito minha prima, que resolvi ler e depois assistir o filme. Mas antes para ter uma noção do que foi o livro vou falar um pouco sobre o livro e a época em que ela viveu.

Orgulho e Preconceito foi escrito pela britânica Jane Austin e publicado pela primeira vez em 1813. “A história mostra a maneira com que a personagem Elizabeth Bennet lida com os problemas relacionados à educação, cultura, moral e casamento na sociedade aristocrática do início do século XIX, na Inglaterra. Elizabeth é a segunda de 5 filhas de um proprietário rural na cidade fictícia de Meryton, em Hertfordshire, não muito longe de Londres”¹.

Com aproximadamente 20 milhões de cópias vendidas pelo mundo, o livro é famoso pela forma que trata as questões morais da época, pela intenção de mostrar que a forma que os pais lidam com a educação corresponde com o que estes serão no futuro.

A história já foi adaptada para TV, em 1980 e 1995, quatro vezes para o teatro e também quatro vezes para o cinema, a última vez em 2005. Este último será o objeto da nossa analise.

Dirigido por Joe Wright e com adaptação de roteiro de Deborah Moggach o filme foi lançado em 16 de setembro de 2005 no Reino Unido, e em 10 de fevereiro de 2006 no Brasil.

Para quem gosta de uma adaptação fiel e sem muitas mudanças no história original este filmes não deixa nada em falta. O filme foi muito dinãmico ao entrelaçar histórias que no livro acontecem separados. Este fato deu ao longa um dinamismo que de outra forma o tornaria lento, e eu arisco até desagradável para assistir. Outro aspecto que deu maior dinamismo a história foi o fato de terem sido excluídos no filmes alguns personagens, pois como personagens de apoio eles tinham pouco peso na história sendo desnecessária
no loga. Entre os excluídos estavam Louisa Hurst, Sr. Hurst, Maria Lucas, Sr. e Sra. Phillips.

Para quem gosta de uma adaptação que não mude muito a história original um aspecto interessante do filme é que os diálogos dos personagens parecem ter sido retirado do livro sem nenhum acrecimo ou falta de palavras. Contudo e por isto mesmo o texto não inova muito para o cinema, fica faltando algo no filme inteiro que te chame e desperte um interesse diferente do livro.

Um fato que também deixa a desejar é a abordagem superficial de alguns personagens como o pai de Elizabeth. Figura que juntamente com a mãe é destaque no circulo familiar da protagonista o Sr. Bennet é capaz de certos caprichos e brincadeiras no livro que no filme fica faltando, excluindo quase que totalmente o tom de humor que circula o personagem.

Mas não foi estas faltas que fez o filme ser um insucesso. Logo na primeira semana a história foi a mas vista nos cinemas do Reino Unido. Arrecadou nas primeiras 14 mil libras e mundialmente 121.147.947 de dólares, segundo o Box Office.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

O que tem 50 Tons de Cinzas?

Antes de ler o livro 50 Tons de Cinzas me perguntava o que é o livro tinha de tao interessante para ser alvo de tantos comentários e burburinho. Ao ler fiquei admirada em saber que o livro com história tão superficial, fosse um dos que mais tem sido vendido nas livrarias. A história deixou a desejar totalmente a esta leitora que na metade do primeiro livro já tinha cansado de tanta lenga-lenga.

Mesmo achando tudo muito sem graça resolvi dá a oportunidade a história e a autora de fazer melhor no segundo livro da trilogia e li 50 Tons Mais Escuros. Certamente este, como falou minha prima quando estávamos discutindo sobre o assunto, foi melhor e que o primeiro com problemáticas mais interessantes que o 50 Tons de Cinza, mas ainda sim a história promete mais do que cumpre, parece sempre que quando finalmente vai ficar melhor a autora simplesmente não desenvolve o tema, nos deixando só na vontade.

Não sou daquelas pessoas que só lê e gosta dos clássicos, admiro muitas obras que os críticos menosprezam, mas a minha decepção com a história foi tão grande que não tive ainda, e não sei se vou ter pelo próximo século, a vontade de ler o terceiro e último livro o 50 Tons de Liberdade.

Mas mesmo com tantas problemáticas devo falar de uma coisa interessante da história, a sua capacidade de prender o leitor. Não sei se pela simplicidade da escrita ou da vontade de terminar logo, mas li os dois primeiros livros em poucos dias.
Com a visibilidade que a história tem ganhado os seus direitos foram comprados e os livros serão adaptados para os cinemas. Diante das expectativas dos recentes fãs pelo filme e da procura pelos atores que irão interpretar os personagens que irão dá vida ao casal da história, fica minha suplica para que os filmes sejam mais interessantes e bem desenvolvidos que os livros.





sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Dica da semana: Jogos Vorazes


Sucesso de público e crítica a trilogia criada pela escritora Suzanne Collins é uma narrativa que explora um mundo pós-apocalíptico numa metrópole onde são realizados os Jogos Vorazes onde que garotos e garotas de doze a dezoito anos são selecionados para participar de batalha televisionada na qual apenas um sai sobrevivente.

Traduzido para 26 idiomas, o primeiro livro foi lançado em 2008 nos EUA e 2010 no Brasil A sua primeira edição teve “50 mil exemplares nos Estados Unidos, mais tarde aumentada para 200 mil”¹ .  Não foi só nas vendagens que o livro teve sucesso, os críticos literários avaliaram de forma positiva a história afirmando que contem um bom roteiro e ritmo. Segundo o wikpédia Stephen King por exemplo escreveu "não tem nada de espetacular - as palavras descrevem a ação e pouco mais", mas sua força vem da convincente construção do universo e da memorável, complexa e fascinante heroína".

Em março de 2012 estreou no Brasil o filme Jogos Vorazes.  Assim como o livro o longa foi sucesso de público durante o tempo que ficou em cartaz. Com ajuda do diretor Gary Ross e revisão de Billy Rae o roteiro foi escrito pela própria autora do livro. Com interpretação de Jennifer Lawrence no papel de Katniss Everdeen, Josh Hutcherson como Peeta e Liam Hemsworth como Gale o filme arrecadou cerca de 25 milhões na primeira semana em cartaz.

O próximo filme da trilogia Jogos Vorazes - Em Chamas está sendo filmado na região de Atlanta e tem previsão para estrear em novembro de 2013.

Sinopse
Num futuro distante, boa parte da população é controlada por um regime totalitário, que relembra esse domínio realizando um evento anual - e mortal - entre os 12 distritos sob sua tutela. Para salvar sua irmã caçula, a jovem Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence) se oferece como voluntária para representar seu distrito na competição e acaba contando com a companhia de Peeta Melark (Josh Hutcherson), desafiando não só o sistema dominante, mas também a força dos outros oponentes. Fonte: Adoro cinema

terça-feira, 20 de novembro de 2012

O Pequeno Príncipe história encanta crianças e adultos

Um dos personagens mais famosos dos contos infantis foi adaptado ao cinema 1974. O Pequeno Príncipe é um livro conhecido mundialmente e virou musical numa coprodução entre EUA e Reino Unido.

Na lista dos 100 livros do século do Lê Monde, o livro Pequeno Príncipe foi escrito por Antoine de Saint Exupéry. Apesar da leitura simples e direcionada às crianças a história também fascina aos leitores adultos por conter personagens representativos e simbólicos que transbordam filosofia e poética, agradendo a estes dois públicos. “O livro nos leva à reflexão sobre a maneira de nos tornarmos adultos, entregues às preocupações diárias, e esquecidos da criança que fomos e somos”1 .

Baseado no livro escrito em 1943, o musical lançado em 1974 teve a direção de Stanley Donen. O personagem do piloto foi interpretado por Richard Kiley e o principe por Steven Warner.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Filmes Martin Scorsese adaptados

Ator, produtor e roteirista Martin Scorsese é conhecido por dirigir vários filmes. O cineasta é considerado pelos críticos como o “maior diretor americano vivo”¹ e vários dos seus filmes tem destaque na lista dos 250 melhores da Internet Movie Database, uma base de dados online de informação sobre música, cinema, filmes, entre outros.   Entre seus filmes mais famosos estão Os Bons Companheiros, O Aviador, Os Infiltrados e uma das usas ultimas obras A Invenção de Hugo Cabret.

Bons Companheiros
Como acontece com muitos diretores alguns dos filmes de Scorsese também são adaptados ou baseados em obras literárias, com alguns inclusive ganhando prêmios de cinema. A seguir iremos falar sobre as obras de Martin Scorsese tiveram como base um livro.   

A Invenção de Hugo Cabret foi lançado em 2011 o filme e tem roteiro de John Logan. Tem como elenco Asa Butterfield, Chloe Moretz, Jude Law e Ben Kingsley, o longa é ainda baseado na obra de Brian Selznick
O filme conta a história de um órfão que por meio de um autômato busca mensagem do pai morto. Durante a reconstrução do equipamento o garoto passa por aventuras em uma estação de trem e acaba por descobrir o mistério por trás da máquina.
O filme venceu cinco categorias do Oscar, Melhor fotografia, melhor direção de arte, melhor mixagem de som, melhor edição de som e melhor efeitos visuais. Ganhou ainda um Globo de Ouro na categoria, melhor Diretor. 

Inspirado no livro Paciente 67 de Dennis Lehane o filme A Ilha do Medo fala sobre a investigação por Edward Daniels do desaparecimento de uma paciente em um manicômio judiciário.  Lançado em 2010 o filme tem um toque de suspense que só Scorsese pode dá. Com interpretação de Leonardo DiCaprio e Mark Alan Ruffalo.  

Baseado no livro de Herbert Asbury, escrito em 1928, Gangues de Nova York foi lançada em 2002.  O filme conta um pouco sobre as gangues em meados do século XIX no bairro de Five Points da cidade de Nova York
O filme, interpretado por Daniel Day-Lewis (William "Bill, o açougueiro" Cutting), Leonardo DiCaprio (Amsterdam Vallon) e Cameron Diaz (Jenny Everdeane), ganhou dois globo de ouro.

De 1999, Por um Fio (Vivendo no Limite) é baseado no romance de Joe Connelly, um médico da cidade de Nova Iorque. Vivivo por Nicolas Cage o filme conta a história de um paramédico que a beira de um colapso nervoso começa a ter visões com os pacientes que não conseguiu salvar e passaram desta para melhor.

Baseado em livro de Edith Wharton.A Época da Inocência foi lançado nos cinemas em1993. O longa contou com a interpretação de Michelle Pfeiffer como Ellen Olenska e Winona Ryder como May Welland e ganhou um Oscar de melhor figurino e um Globo de Ouro na categoria de melhor atriz coadjuvante, por Winona Ryder.

Os Bons Companheiros, filme lançado em 1990, é baseado no livro Wiseguy de Nicholas Pileggi. O livro é uma não-ficção que conta a história da máfia americana através do personagem Henry Hill.
Ilha do Medo
O roteiro do filme foi escrito na parceria entre o diretor Scorsese e o escritor Pileggi. Participou do filme atores como Ray Liotta, Robert De Niro, Joe Pesci. O filme vencedor ganhou o Oscar na categoria de Melhor Ator Coadjuvante com Joe Pesci, ale deste prêmio foi indicado a mais cinco categorias entre melhor filme, melhor diretor, melhor roteiro adaptado, melhor atriz coadjuvante e melhor edição.   

O filme A Última Tentação de Cristo foi baseado na obra literária de 1951 escrita por Nikos Kazantzakis. O livro foi alvo de críticas por parte da comunidade religiosa sendo incluída no livro de publicações proibídas pela Igreja Católica. 
Em 1988  Scorsese dirige o filme. Com roteiro de Paul Schrader o filme conta com a interpretação de Willem Dafoe como Jesus e Harvey Keitel como Judas. O filme teve uma indicação ao Oscar e duas ao Globo de Ouro. 

Realizado em 1986 o filme A Cor do Dinheiro é baseado na obra de Walter Tevis, romance escrito em 1988. O livro conta a estória de dois amigos que travam uma guerra por causa de uma mulher.
No elenco o filme conta com a interpretação de Paul Newman como Eddie Felson, Tom Cruise que faz Vincent Lauria e Mary Elizabeth Mastrantonio como Carmen. Pelo filme Paul Newman ganhou o Oscar de melhor ator.   

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Dica da semana: A Fantástica Fábrica de Chocolate


Charlie e a Fábrica de Chocolate ou A Fantástica Fábrica de Chocolate, do escritor Roald Dahl é m livro infantil publicado em 1964. Segundos os críticos o livre tem uma linguagem simples e espontânea, além de seus detalhes de descrições que funciona bem para linguagem dedicada ao público infantil. “Há quem o descreva como um livro de ficção científica para crianças”¹ .

A história mostra um garoto pobre que após ganhar um concurso poderá conhecer, juntamente cm mais quatro ganhadores, a mundialmente famosa fábrica de chocolate. A visita a fábrica é ainda um teste ao qual o vencedor será o novo dono da fábrica.  

Com o sucesso do livro, em 1971 o diretor Mel Stuart resolve adaptar a história para o cinema. O roteiro foi adaptado pelo próprio autor do livro e a interpretação do dono da fábrica ficou com Gene Wilder. Uma nova adaptação do filme foi realizada em 2005 dirigida por Tim Burton e interpretada pelo fabuloso ator Johnny Depp.  

terça-feira, 6 de novembro de 2012

A Ilha do Medo - adaptação do livro de Lehane

As vezes eu acho que as adaptações deixam muito a desejar do livro. Mas aí logo vem uma surpresa e um arrebatamento quando vejo um filme que não deixa nada a desejar do livro ou pelo contrário até o acrescenta. É o caso, por exemplo, de Ilha do Medo (Paciente 67).

O livro Paciente 67 de Dennis Lehane foi lançado em e conta a história de investigação por Edward Daniels da paciente sumida no manicômio judiciário que fica instalada numa ilha. Enquanto investiga o caso do desaparecimento o personagem revela suas intenções pessoais de encontrar uma pessoa ao qual ele considera ser o responsável pela morte da sua mulher. Ao final os segredos são revelados e descobrimos o real motivo de Edward está na ilha. O livro tem uma boa narrativa e um bom desenvolvimento de enredo, contudo não é um daqueles livros de tirar o fôlego e ler em uma sentada. O grande lance do filme é realmente o desvendar do mistério que rodeia o protagonista.

O filme A Ilha do Medo lançado em 2010, contudo, dá um ar mais atraente a estória. Martin Scorsese, diretor do filem, soube trabalhar o enredo colocando suspense no filme e nos deixando com a expectativa de desvendar todos os segredos da ilha. Como afirma o site Omelete “Ilha do Medo tem alguns momentos constrangedores e outros transcendentais, como os flashbacks do Holocausto - um Holocausto meio barroco, reimaginado sob influência da química do hospício”. Além disto, a trilha sonora do filme contribui para da um clima se suspense em todo o filme.

Apesar do filme não tenha ganhado nenhuma premiação é um daqueles filmes que contribuem para entender a perspectiva do diretor e reafirma-lo na indústria cinematográfica.

O filme tem a interpretação de Com interpretação de Leonardo DiCaprio e Mark Alan Ruffalo.

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Livros de Nicholas Sparks adaptados ao cinema

Para falar de romance ninguém melhor do que o renomado Nicholas Sparks. Autor de vários best-sellers, com cerca de 50 milhões de livros vendidos, escreveu livros como O Milagre, Um Amor para Recordar e Uma carta de Amor. Sparrks não só fez sucesso nas livrarias, mas também no cinema e pode ser considerado como o romancista mais adaptado para o cinema na atualidade, com 18 livros publicados sendo que oito deles já foram adaptados para o cinema.

Diário de uma Paixão 
Vamos conhecer agora, por ordem de publicação, as obras do autor que até o momento foram adaptadas ao cinema.

Escrito em 1996, Diário de Uma Paixão foi adaptado para os cinemas em 2004. O filme é dirigido por Nick Cassavetes e estrelado por Ryan Gosling e Rachel McAdams¹. O filme conta a história de dois jovens de famílias distintas que se apaixonam que são separados quando começa a Segunda Guerra.

Como já foi dito neste blog As Palavras que Nunca te Direi lançado de 1998 foi a obra de Sparks que deu origem ao filme Uma Carta de Amor em 1999. O filme dirigido por Luis Mandoki foi filmado em diversas localidades do Estados Unidos e teve como protagonistas Kevin Costner, no papel de Garret Blake, Robin Wright Penn, no papel de Theresa Osborne e Paul Newman, no papel de pai de Garret.

Baseado no livro de 1999 Um Amor para Recordar foi lançado em 2002. O longa foi protagonizado por Mandy Moore e Shane West e dirigido por Adam Shankman e produzido por Denise DiNovi e Hunt Lowry. Ganhou o MTV Movie Awards, na categoria de Melhor Revelação Feminina (Mandy Moore).

Querido Jhon
Escrito em 2002 Noites de Tormenta foi adaptado ao cinema em 2008 pelo diretor George Wolfe. O longa conta a vida de Adrienne Willisque que vai buscar refúgio em uma cidade litorânea e encontra na pousada um outro hospede ao qual vive um romance.

Baseado no romance Querido Jhon, escrito em 2007, o filme homônimo conta a história de um jovem soldado que em licença encontra uma garota a qual se apaixona.
O filme teve estreia em cinco de fevereiro de 2010 nos Estados Unidos, em 25 de março em Portugal e em sete de maio de 2010 no Brasil. É dirigido por por Lasse Hallström.

Um Homem de Sorte (2008) foi aos cinemas em maio deste ano. O filme teve como protagonistas Zac Efron, Taylor Schilling, Blythe Danner. O longa foi dirigido por Scott Hicks.

Um Porto Seguro
A Última Música, publicado em 2009, foi um drama romântico lançado nos cinemas em 2010. O filme foi roteirizado com a participação de Sparks - inclusive o roteiro foi finalizado antes mesmo de ser escrito o final do livro. O longa é estrelado pela cantora e atriz Miley Cyrus e dirigido por Julie Anne Robinson.

Um Porto Seguro será o próximo livro que será adaptado aos cinemas. Com estreia para 2013  o filme contará a históra de Josh Duhamel vive um viúvo, pai de dois filhos, que tem sua rotina alterada com a chegada de Katie  uma mulher que se muda para Southport, no Estado da Carolina do Norte².

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Dica da Semana: Um Dia

Para mim um bom romance não é aquele que conta a história feliz de um casal, mas o que mostra as dificuldades e desencontros de um relacionamento até suas frustrações, assim é Um Dia, que conta a história de dois jovens amigos e que ao longo dos anos vão descobrindo o amor ente eles. Depois de muitos desencontros o casal fica junto, mas um acidente os separa novamente.

O filme, dirigido por Lone Scherfig é uma adaptação da obra literária escrita por David Nicholls, tem uma narrativa que perpassa 20 anos da vida dos personagens, desde quando se conheceram até quando ficam juntos. O longa mostra a mudança de vida e amadurecimento de Dexter e Ema que fazem percurso diferente em suas vidas mas que sempre mantinham contato e se encontravam.

O filme foi lançado em 2011 e contou com a interpretação de Anne Hathaway e Jim Sturgess nos papéis principais e o roteiro foi adaptado pelo próprio Nicholls. O filme ficou no Brasil sete semanas em cartaz e arrecadou cerca de R$ 1.443.292.

SINOPSE: Após passarem a noite juntos justamente no dia da festa de formatura, Dexter e Emma decidem repetir o encontro a cada ano, sempre na mesma data. A ideia é saber como cada um está vivendo sua vida com o passar do tempo.

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Universal vai adaptar livro sobre espião ultrassecreto

O livro The Right Hand, o quarto escrito por Derek Haas, ainda será lançado nos EUA, mas a produtora de filmes Universal já se adiantou e comprou seus direitos autorais para fazer a adaptação.

O roteiro do filme vai ser escrito pelo próprio autor e com Michael Brandt. Haas também assinará a produção ao lado de Stuber. Damien Saccani será o produtor-executivo. Não há um cronograma definido para a The Right Hand.

A trama tem como foco Austin Clay, um espião cujo trabalho é tão secreto que nem mesmo o governo admite a sua existência. Ainda assim, ele executa suas missões. No livro, Clay é precisa localizar um oficial norte-americano, capturado na região rural da Rússia. O espião acaba no meio de uma conspiração que envolve um espião duplo infiltrado no alto escalão do governo dos EUA.

Fonte: Omelete



terça-feira, 16 de outubro de 2012

Clássico de Frank Baum retorna aos cinema em 2013


Oz: Mágico e Poderoso tem lançamento marcado para março. O filme é baseado em clássico de L. Frank Baum que conta a história do fantástico e famoso mundo de OZ , um mundo fantástico, povoado por
vários povos e dominado por bruxas más a Leste e a Oeste¹.

Dirigido por Sam Raimi No longa recua no tempo e conta o que acontecia antes das histórias de O Mágico de Oz ².

O filme conta com a interpretação de Mila Kunis, Michelle Williams, Rachel Weisz, James Franco, Abigail Spencer, Joey King, Zach Braff, Bill Cobbs, Martin Klebba, Ted Raimi.

Sinopse: 'Oz: Mágico e Poderoso' acompanha Oscar Diggs (James Franco), um mágico de circo com pouca ética, que é levado do Kansas para a Terra de Oz, e acha que tirou a sorte grande - fama e fortuna ao seu
dispor. Fonte: Cinepop

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Dica da semana: O Diário de um Banana



Do livro eu não ao sei, mas o filme O Diário de Um Banana é um dos longas infanto-juvenis mais interessante e criativo que vi nos últimos tempos.

Para comemorar o dia das crianças o que melhor do que assistir um filme? O primeiro filme de o Diário de um Banana foi dirigido por David Bowers e é uma adaptação da série de livro escrita e ilustrada por Jeff Kinney. O longa não é só bom por causa de suas ilustrações que se junta as cenas, mas também por causa das lições que deixam nas entrelinhas e que são direcionadas ao púbico infantil como saber lidar com as mudanças e as amizades.

O primeiro filme fala sobre da relação de Greg com seus pais e irmãos, da sua adaptação e do seu amigo Rowley na escola secundária e da sua tentativa de tornar-se popular na escola.

Assim como Harry Potter, a saga Crepúsculo e As Crônicas de Narnia, O Diário de um Banana faz parte de uma série de livros e que fizeram sucesso no mundo. A série já conta com cinco livros publicados e tem milhões de cópias vendidas e traduzidas para 28 línguas.


terça-feira, 9 de outubro de 2012

Novo filme sobre Lincoln será lançado nos cinema




Mais um filme sobre Lincoln estará nos cinemas em 2013. O longa estará no cinema a partir de 15 de fevereiro mas desta vez é uma biografia do presidente norte-americano durante sua a Guerra Secessão.


O filme será baseado no livro “Team of Rivals: The Genius of Abraham Lincoln”, da vencedora do Pulitzer Doris Kearns Goodwin a história conta a vida do 16º presidente dos Estados Unidos no período da Guerra de Secessão.

O longa, dirigido por Spielberg, terá como protagonista Daniel Day-Lewis como Abraham Lincoln, Joseph Gordon-Levitt como Robert Todd Lincoln e Sally Field  cinterpretando Mary Todd Lincoln. Antes mesmo de estrear no cinema o filme  já conta com indicação ao Oscar de 2013.


quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Dica da Semana: Sherlock Holmes


Quem nunca falou ou ouviu a frase “Está se achando o Sherlock Holmes” não sabe o que é ser detetive. O mais famoso dos detetives foi criado pelo médico e escritor Sir Arthur Conan Doyle, a primeira aparição do personagem foi em 1887 na revista Beeton's Christmas Annual. A partir das primeiras publicações Holmes tornou-se um sucesso e “tornou-se tão poderoso que, como pouquíssimas vezes na história, engoliu o seu criador”¹.

Como personagem Holmes costoma ser uma pessoa arrogante, orgulhoso e solitário. Estremanente detalhista o detetive consegue resolver crimes considerados insolúveis, além de conhecer a personalidade da pessoa só de olhar para ela e prever antecipadamento os acontecimentos. Um dos seus poucos amigos é Dr. Watson fiel companheiro que sempre acompanha o detetive.

O sucesso de Sherlock Holmes não ficou só nos livros, o filme já foi adaptado para o teatro e para o cinema e possui em torno de 200 filmes. As últimas adaptações para o cinema foram os filmes Sherlock Holmes (2011) e Sherlock Holmes – O Jogo das Sombras (2012).

Nestes últimos filmes, dirigidos por Guy Richie, os aspectos dedutivos do personagem é realçado com as previsões antecipadas de Holmes (Robert Downey Jr.) dos acontecimentos.

No primeiro filme Holmes e Watson (Jude Law) são chamados para solucionar um caso que se envolve o assassinato de quatro garotas por um feiticeiro que é preso no início do filme. Já no segundo filme Sherlock Holmes tenta com a ajuda de tenta desvendar os segredos do Professor Moriarty (Jarred Harris) que estaria por trás de uma série de assassinatos, que visam desestabilizar a paz mundial. 

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

O Sobre Livros e Filmes quer saber quais as melhores adaptações


O Sobre Livros e Filmes quer criar a própria lista de melhores filmes baseados ou adaptados de livros. Para isto fizemos uma lista prévia com sete categorias de filmes (fantásticos, nacional, romântico, drama, suspense, ação e terror) em que cada gênero consta dez filmes adaptados ou baseados em obras literárias.  Cada mês estaremos disponibilizando a lista no Blog da Sobre Livros e Filmes, você pode colaborar na construção da nossa lista ao votar na enquete do nosso blog.  Esperamos sua colaboração! 

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Nova adaptação de Anna Karenina estará nos cinemas em 2013

Keira Knightley interpreta Anna no filme
Romance psicológico escrito por Leiv Tolstoi, autor de Guerra e Paz, Anna Karenina foi pela primeira vez publicado em 1973. O livro é considerado juntamente com Guerra e Paz uma das obras primas do autor.

A história gira em torno dos dramas pessoas da aristocracia da época e da relação extraconjugal dos personagens principais da trama. Para o site Bons livros para ler o escritor está "extremamente crítico aos padrões sociais da época e que nos coloca diante de personagens que estão dispostos a viver, amar e buscar o amor e suas verdades pessoais".

A história de Tolstoi já foi lançado no cinema por quatro vezes e em 2013 terá sua quinta adaptação.com direção de Joe Wright e interpretado por Keira Knightley, Aaron Taylor-Johnson, Kelly MacDonald, entre outros, a nova versão pretende ter tanto sucesso quantos as antigas adaptações.




sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Filmes baseados em livros em 2013 Parte III

Dezesseis Luas é o novo Crepúsculo

Em Dezesseis Luas o romance entre um humano e uma garota com poderes peranormais já é considerado por muitos como o “Novo Crepúsculo”. Por isto a estreia deste filme já esta sendo muito esperada por alguns fãs da Saga de Stephenie Meyer. 
Mas desta vez o filme que lança no dia 12 de julho é uma adaptação da obra de Beautiful Creatures. O filme é dirigido por Richard LaGravenese e o seu elenco tem a presença de Emma Thompson, Viola Davis, Emmy Rossum, J.D. Evermore, Jeremy Irons, Alden Ehrenreich, Alice Englert, Kyle Gallner, Lance E. Nichols, Rachel Brosnahan, Thomas Mann, Tiffany Boone.

Setembro, dia seis, apenas um longa baseado em livro irá para os cinemas em 2013 o filme é 12 anos de Escravidão que será dirigido por Steve McQueen. A história é adaptada da autobiografia de Solomon Northup e conta sobre um homem livre que foi enganado e se tornou escravo por doze anos. Os atores Brad Pitt, Michael Fassbender, Chiwetel Ejiofor, Benedict Cumberbatch, Garret Dillahunt, Michael Kenneth Williams, Paul Dano, Paul Giamatti, Ruth Negga, Sarah Paulson, Scoot McNairy fazem parte do elenco do filme.

Capitão Phillips
Em 18 de outubro é a vez de Capitão Phillips estrear no cinema. Filme baseado na obra 'A Captain’s Duty: Somali Pirates, Navy SEALs and Dangerous Days at Sea' conta a história de um capitão quando vê seu navio sequestrado por piratas. O filme é dirigido por Paul Greengrass e interpretado por Tom Hanks, Catherine Keener entre outros. 

Também em outubro, no dia 18, será lançado o filme Símbolo Perdido. Adaptado da obra do já renomado escritor Dan Brown o filme já é expectativa entre os fãs do autor. A história é uma espécie de continuação das aventuras Robert Langdon. Desta vez o professor tem que salvar a vida do seu mentor que foi sequestrado, para isto tem que localizar “um tesouro capaz de dar poderes sobre-humanos a quem o encontra”.

Outro filme que será lançado em outubro, dia 25, é O Sétimo Filho. O longa é uma adaptação do livro de Joseph Delaney, O Aprendiz, da série de livros As Aventuras do Caça-Feitiço.

A Rainha da Neve entra em cartaz 25 de novembro. A animação é baseado no conto de fadas de Hans Christian Andersen publicado em 1845. 

Já em 29 de novembro estreia A Casa Torta. O filme será uma adaptação do romance policial de Agatha Christie. O filme é dirigido por Neil LaBute e interpretado pelos atores Julie Andrews, Matthew Goode, Gemma Arterton, Gabriel Byrne. No filme o detetive Charles Hayward tenta descobrir o assassino de um idoso dono de grande fortuna que foi envenenado em sua mansão, onde vivia com toda a família. 

Filme terá continuação em 2014
Para finalizar o ano com chave de ouro no ultimo mês do ano, no dia 20, o filme O Hobbit: uma jornada inesperada será lançado no cinema. O filme muito esperado pelos fãs da trilogia Senhor dos Anéis poderá conhecer mais sobre a vida dos personagens principais da trama antes dos acontecimentos dos primeiros filmes. Quem dirige o filme é Peter Jackson com roteiro escrito por ele com Fran Walsh, Philippa Boyens e Guillermo del Toro.




Leia a primeira parte do artigo aqui

Leia a segunda parte do artigo aqui

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

O sucesso de Bond ultrapassou a morte do escritor

primeiro James Bond em 1953
Criado em 1953 pelo escritor Ian Fleming, James Bond é um dos agentes secretos mais conhecidos no mundo. A primeira aparição do agente secreto foi no livro de bolso Casino Royale tornando-se sucesso de público. No total Fleming escreveu doze romances e duas coleções de contos com agente. Após a morte do escritor outros livros foram publicados escritos por romancistas contratados por editores.

Os primeiros produtores do eram os detentores dos direitos cinematográficos da maior parte da obra de Fleming e após dez anos o primeiro livro ser lançado eles viraram franquia no cinema, o primeiro filmes foi Sean Connery lançado em 1962. 

Antes de virar filme o personagem, conhecido como 007, foi adaptado para um seriado de televisão e de filmes independentes. Os filmes juntos já arrecadaram mais de 12 bilhões de dólares e está entre as séries mais lucrativas do cinema.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Em 1969 Macunaíma foi adaptado ao cinema


Considerado um dos melhores romances modernistas do Brasil Macunaíma foi adaptado ao cinema em 1969. 

Escrito por Mário de Andrade em 1928, o livro Macunaíma é literatura recomendada por diversos professores e críticos literários.  A obra critica o Romantismo, movimento artístico anterior ao Modernismo, ao escrever de forma cômica as aventuras do Índio Macunaíma e de seus irmãos que vão a São Paulo em busca de um amuleto perdido.  No livro Andrade valoriza as raízes brasileiras e suas linguagens e foi avaliado como obra inovadora para a época. 

No filme dirigido por Joaquim Pedro de Andrade em 1969 o toque cômico do livro é conservado levando ao mesmo tempo o público a rir e analisar as situações vividas por Macunaíma.  O longa, que teve um orçamento de 350 mil cruzeiros novos, foi protagonizado por Grande Otelo, Paulo José, Jardel Filho. 

O filme que ganhou premio no Festival e Brasília (1969) nas categorias de melhor ator (Grande Otelo), melhor cenografia e figurinos (Anísio Medeiros), melhor roteiro (Joaquim Pedro de Andrade) e melhor ator coadjuvante (Jardel Filho) além do Festival Internacional de Mar del Plata 1970 (Argentina)  na categoria de melhor filme, teve dificuldades em ser lançado comercialmente no Brasil, devido a problemas com a censura.


Sinopse: Macunaíma é um herói preguiçoso, safado e sem nenhum caráter. Ele nasceu na selva e de negro (Grande Otelo) virou branco (Paulo José). Depois de adulto, deixa o sertão em companhia dos irmãos. Macunaíma vive várias aventuras na cidade, conhecendo e amando guerrilheiras e prostitutas, enfrentando vilões milionários, policiais, personagens de todos os tipos. Depois dessa longa e tumultuada aventura urbana, ele volta à selva. Um compêndio de mitos, lendas e da alma do brasileiro, a partir do clássico romance de Mário de Andrade. Fonte Interfilmes 

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Dica da semana: O Leitor


 Um drama para não botar defeito, o filme O Leitor emociona e apreende o leitor até o fim com sua história e suas surpresas. A história é uma adaptação do livro Der Vorleser do escritor Bernhard Schlink.

Dirigido por Stephen Daldry o filme conta a história de um jovem que passa a se relacionar com uma mulher mais velha enquanto se encontram em momentos de leituras. Depois de algum tempo eles se separam e voltam se encontrar de forma inusitada, quando ela está sendo julgada por crimes durante a Segunda Guerra Mundial.

O roteiro do filme foi adaptado por David Hare e a interpretação ficou por conta de Kate Winslet, Ralph Fiennes, David Kross, Bruno Ganz, Lena Olin, entre outros.  

Sinopse: Na Alemanha pós-2ª Guerra Mundial o adolescente Michael Berg (David Kross) se envolve, por acaso, com Hanna Schmitz (Kate Winslet), uma mulher que tem o dobro de sua idade. Apesar das diferenças de classe, os dois se apaixonam e vivem uma bonita história de amor. Até que um dia Hanna desaparece misteriosamente. Oito anos se passam e Berg, então um interessado estudante de Direito, se surpreende ao reencontrar seu passado de adolescente quando acompanhava um polêmico julgamento por crimes de guerra cometidos pelos nazistas. Fonte: Adoro cinema 

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Filmes baseados em livros em 2013 - Parte II


Em oito de março é a vez de Oz: Mágico e Poderoso. O filme que fala sobre o mundo fantástico de OZ é baseado nas histórias de L. Frank Baum. Dirigido por Sam Raimi o filme conta com a interpretação de Mila Kunis, Michelle Williams, Rachel Weisz, James Franco, Abigail Spencer, Joey King, Zach Braff, Bill Cobbs, Martin Klebba, Ted Raimi.

Carrie, A Estranha volta aos cinemas em março 
No dia 15 de março é a vez de Carrie, A Estranha estreiar no cinema. Segundo o site cine pop a história já foi adaptada ao cinema em 1976 “estrelado por Sissy Spacek, John Travolta, Amy Irving e Piper Laurie. Teve uma sequência em 1999, e um telefilme em 2002”. Nesta nova adaptação a direção fica por conta de Kimberly Pierce e interpretação de Chloë Moretz, Julianne Moore.

Mais um filme baseado em histórias infantis irá ao cinema em 22 de março. João e o pé de feijão vira Jack - O Matador de Gigantes e tem que encontrar e salvar a princesa das mãos de um gigante.

Também em 22 de março será exibido o filme Hitchcock. O longa é baseado no livro Alfred Hitchcock and the Making of Psycho, de Stephen Rebello, uma biografia do diretor de grandes filmes como Psicose. A direção do filme é de Sacha Gervasi e a interpretação fica por conta de Anthony Hopkins, Helen Mirren, Scarlett Johanssen, Jessica Biel.

Baseado na obra da autora da saga Crepúsculo será lançado dia 29 de março o filme A Hospedeira. Neste filme os humanos se tornam hospedeiros de invasores que não conhecido que transforma a população em zumbi. Com direção de Andrew Niccol o elenco do filme conta com a interpretação de Saoirse Ronan, Diane Kruger, Max Irons, Jake Abel, William Hurt, Frances Fisher, Chandler Canterbury, Boyd Holbrook.

O musical Os Miseráveis tem a data de lançamento marcada para o dia 29 de março. Com direção de Tom Hooper e elenco composto por Hugh Jackman, Russell Crowe, Anne Hathaway, Sacha Baron Cohen, Taylor Swift e Samantha Barks a história se passa na França do século XIX.

Baseado nos livros de Rick Riordan o filme Percy Jackson e o Mar de Monstros estreia no cinema no dia cinco de abril. Continuação da saga Percy Jackson o longa narra as novas aventuras de Percy e seus amigos na busca do Velocino de Ouro.

Continuação estreia em abril 
Roteirizado por Jason Keller e baseado no livro de Justin Cronin, o longa A Passagem será exibido nos cinemas a partir do dia 26 de abril. Segundo o cine pop o filme é um “suspense sobre a luta humana diante de uma catástrofe sem precedentes. Da destruição da sociedade que conhecemos aos esforços de reconstruí-la na nova ordem que se instaura”. 

Guerra Mundial Z será estreiará em junho, dia 28. O filme toma como base o livro de Max Brooks e tem no seu elenco a interpretação de Brad Pitt, Mireille Enos, Daniella Kertesz, James Badge Dale, Matthew Fox. 


Leia primeira parte do artigo aqui.

Leia a última parte do artigo aqui.



terça-feira, 18 de setembro de 2012

O Grande Gatsby terá terceira adaptação em 2013

DiCaprio estrela o filme

Em janeiro de 2013 teremos a estreia do filme O Grande Gatsby. O longa é uma readaptação do romance escrito por F. Scott Fitzgerald publicado em 1925. A história já foi duas vezes adaptada ao cinema a primara vez em 1949 dirigida por Elliott Nugent e a segunda em 1974 com direção de Jack Clayton. 

Recomendado pelas escolas superiores nos EUA o livro só passou a ser reconhecido em 1945. O romance trata do caos que se encontrava a sociedade americana depois da Primeira Guerra Mundial. O grande Gatsby é considerado um dos maiores romances de língua inglesa de todos os tempos e já vendeu mais de 10 milhões de exemplares. 

A obra que já foi adaptada como peça da Broadway será pela terceira vez lançada como filme em 2013.  Dirigido por Baz Luhrmann ("Moulin rouge") terá entre seus interprete Leonardo DiCaprio, Carey Mulligan,  Tobey Maguire e Carey Mulligan. O longa estreia dia 04 de janeiro e terá cópias em 3D.


Sinopse: Anos 20. Nick Carraway (Tobey Maguire) se mudou há pouco tempo para Long Island. Lá ele conhece e fica fascinado com o estilo de vida de Jay Gatsby (Leonardo DiCaprio), seu novo vizinho, que é milionário. Aos poucos Carraway passa a frequentar o círculo de Gatsby e percebe a paixão que Gatsby nutre por Daisy Buchanan (Carey Mulligan), casada com Tom (Joel Edgerton). Fonte: Adoro cinema 

sábado, 15 de setembro de 2012

Filmes baseados em livros em 2013 - Parte I


Muitos dos filmes que estreiam anualmente no cinema são baseados ou adaptados de livros e no ano de 2013 não poderia ser diferente. No próximo ano serão lançados mais de 20 filmes que tem livros como base. Para saber quais são e conhecer um pouco sobre eles este blog irá publicar a lista com seu resumo e data de lançamento.  

DiCaprio faz parte do elenco do filme 
Em 04 de janeiro teremos a estreia de O Grande Gatsby baseado no romance de F. Scott Fitzgerald. Publicado pela primeira vez em 1925, o livro não foi sucesso logo na época, apenas na republicação de 1945 que o livro virou um clássico norte-americano. A história de Fitzgerald já tinha sido adaptada para o teatro e para o cinema anteriormente sem grandes repercussões.    

Jack Reacher - O Último Tiro é estrelado por Tom Cruise e será lançado em 11 de janeiro de 2013. O longa é também estrelado por Rosamund Pike, Robert Duvall, James Martin Kelly, Richard Jenkins, Werner Herzog, e dirigido por Christopher McQuarrie.  
Adaptação do livro policial escrito por Lee Child na história Jack Reacher é convocado a participar da investigação sobre a morte acidental de cinco pessoas. 

Quem estreia em 25 de janeiro é Hansel & Gretel: Caçadores de Bruxas. Baseado no conto dos Irmãos Grimm o filme é dirigido por Tommy Wirkola. A história se passa 15 anos após os personagens derrotarem a bruxa da casa de doces. No filme João e Maria (Hansel e Gretel) já são adultos e caçadores de bruxas.

Baseado na obra do escritor russo Liev Tolstói o filme Anna Karenina  estreia no Brasil no dia primeiro de fevereiro. A trama fala sobre o caso extra-conjugal de uma aristocrata da Rússia Czarista que, apesar de parecer ter tudo parecer ter tudo sente-se vazia até encontrar o impetuoso oficial Conde Vronski. 
O filme é dirigido por Joe Wright e tem como elenco Keira Knightley  (Anna Karenina), Jude Law(Alexei Karenin),  Aaron Taylor-Johnson (conde Vronsky). 
filme terá romance entre zumbi e humano

Um romance entre um zumbi e uma humana esta é a história de Sangue Quente filme que será lançado em primeiro de fevereiro. Adaptado do livro escrito por Isaac Marion o longa é dirigido por Jonathan Levine e tem a interpretação de Nicholas Hoult, Teresa Palmer, Rob Corddry. 

Mais um filme sobre Lincoln estará nos cinemas em 2013. O longa estará no cinema a partir de 15 de fevereiro mas desta vez é uma biografia do presidente norte-americano durante sua a Guerra Secessão. 
Baseado no livro “Team of Rivals: The Genius of Abraham Lincoln”, da vencedora do Pulitzer Doris Kearns Goodwin a história terá como protagonista Daniel Day-Lewis como   Abraham Lincoln, Joseph Gordon-Levitt  como Robert Todd Lincoln e Sally Field  cinterpretando Mary Todd Lincoln.

Leia a segunda parte do artigo aqui
Leia a terceira parte do artigo aqui

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Dica da semana: Adaptação


Louco. Assim defino o filme Adaptação 2002. O filme conta o impasse de um roteirista diante da aventura de adaptar um livro para o cinema. Diante da dificuldade Charlie Kaufman, interpretado por Nicolas Cage, acaba criando histórias inusitadas para colocar no roteiro sobre orquídeas, tema do livro que deve ser adaptado. Por não conseguir um ponto dramático para criar Kaufman resolve se colocar na história e falar sobre sua dificuldade em realizar o trabalho. Mas a problemática de Kaufman não acaba por aí a sua vida fica em perigo quando com ajuda do seu irmão gêmeo ele descobre que a autora do livro em questão tem um caso extraconjugal com o fornecedor de plantas que é personagem principal do livro.

O mais louco deste filme é a mistura que ela faz entre realidade e ficção pois tanto o roteirista Charlie Kaufman quanto a história contada por ele são elementos reais.  O filme simplesmente mistura uma história dentro da outra e faz pegadinhas para o público desinformado, um exemplo é que o irmão gêmeo do roteirista não existe na vida real, isto faz parte da confusão que o filme faz propositadamente fazendo com que fiquemos sem saber o que é real e o que é realidade no filme.



Sinopse: Charlie Kaufman (Nicolas Cage) precisa de qualquer maneira adaptar para o cinema o romance "The Orchid Thief", de. O livro conta a história de John Laroche (Chris Cooper), um fornecedor de plantas que clona orquídeas raras para vendê-las a colecionadores. Porém, além das dificuldades naturais da adaptação de um livro em roteiro de cinema, Charlie precisa lidar também com sua baixa auto-estima, sua frustração sexual e ainda Donald, seu irmão gêmeo que vive como um parasita em sua vida e sonha em também se tornar um roteirista. Fonte: Adoro Cinema  

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Feriado com pipoca e Lincon


 Quando não se tem nada para fazer num feriado nada melhor do que assistir um filme no cinema. Pois foi isso que eu fui fazer no dia da Independência do Brasil. Junto com uma amiga fui vê o filme que já esperava a algum tempo para assistir. Na confusão que estava o cinema compramos o ingresso e entramos para a fila da sala em que o filme seria exibido.

Nada melhor do que ter assistido ao filme naquele dia, consegui me descontrair ri um pouco tomei alguns sustos – ok eu tomo susto por tudo – mas o que eu mais gostei foi de ter assistido o filme em 3D, acho que não teria tanta emoção se não fosse assim. Outra coisa que eu gostei do filme foram seus efeitos de transição, ultimamente tenho gostado muito dos efeitos e neste filme em especial o efeito de transição tem uma forma diferente é como se ela fizesse parte da apresentação do filme tanto que provavelmente em outro tipo de filme não caísse muito bem.

A história paralela da vida de Lincoln foi um negócio a parte, apesar de não ser muito conhecedora da biografia do ex-presidente dos Estados Unidos achei interessante amarrar toda a sua vida do presidente com os acontecimentos relacionados a disposição de Abrahan em caçar vampiros, um exemplo é a forma como é relacionada a morte da mãe e do filho de Lincoln como sendo obra dos vampiros.

Apesar de no meio da história o filme se perder – lembro do comentário que ouvi quando assistia “o filme estava melhor no começo” – e de provavelmente não ser uma obra que terá grandes méritos como as de Hitchcock, Spilberg ou tantos outros, como é observado pela a crítica conceitual e rigorosa, mas é um filme interessante para se assistir com os amigos e curtir o feriado.


Leia também:
Abrahan Lincoln - O caçador de vampiros
                                

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

João e Maria viram caçadores de bruxas

Já imaginou qual foi o destino dos personagens dos contos de fadas que embalavam nossas noites antes de dormir? Nunca parou para pensar no que teria acontecido com os estes personagens? Ao menos você poderá ter uma ideia do que pode ter acontecido com a estória de João e Maria, pois em 2013 será lançado o filme Hansel & Gretel: Caçadores de Bruxas.

Dirigido por Tommy Wirkola a história se passa 15 anos após os personagens derrotarem a bruxa da casa de doces. No filme João e Maria (Hansel e Gretel) já são adultos e caçadores de bruxas.

A história faz parte das readaptações que Hollyood tem feito de contos de fadas e Hansel & Gretel é mais uma releitura das histórias dos Irmãos Grimm famosos por outras estórias como Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho e Rapunzel.

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Dica da semana: Cartas de Amor

Para finalizar o mês darei uma dica de outro filme baseado em obra de Nicholas Sparks intitulado As Palavras que Nunca te Direi lançado em 1999. Como um bom romance a história é cheia de momentos em que deixa o público em prantos. O livro tem 14 capítulos e já teve mais de 50 edições.

No mesmo ano de lançamento o livro foi adaptado ao cinema e lançado com o nome Cartas de Amor. O filme dirigido por Luis Mandoki foi filmado em diversas localidades do Estados Unidos e teve como protagonistas Kevin Costner, no papel de Garret Blake, Robin Wright Penn, no papel de Theresa Osborne e Paul Newman, no papel de pai de Garret.

SINOPSE: Após divorciar-se, Theresa dedica-se ao filho e a seu trabalho num jornal de Chicago. Passeando por uma praia, ela acha uma garrafa contendo apaixonada carta de amor. Ela decide procurar o autor e o encontra na Carolina do Norte, um construtor de barcos que vive sozinho com o pai, desde a morte da mulher. Baseado em obra de Nicholas Sparks. Fonte: e-pipoca

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Filmes de Nelson Rodrigues

Rodrigues fez 100 anos semana passada
Semana passada, exatamente dia 23 de agosto, o dramaturgo, escritor e jornalista brasileiro, Nelson Rodrigues, completou 100 anos. Das diversas obras que o autor escreveu várias foram adaptadas ao cinema. No total foram 25 filmes baseados em obras de Nelson sendo 17 adaptações de livros.

Dos longas baseados em livros de Rodrigues estão Bonitinha mas Ordinária de 2009, Traição de 1998 e direção de Arthur Fontes, Cláudio Torres e José Henrique Fonseca e Vestido de noiva lançado em 2006 com direção de Joffre Rodrigues.

O pernambucano Nelson Rodrigues nasceu em 1912. Em 1916 mudou-se com a família para o Rio de Janeiro, foi a vivencia na cidade deu base para Nelson criar seus personagens. Aos sete anos Nelson entrou para a escola período que começou a ler mais e a escrever redações e histórias para as aulas. Em 1926 o autor foi expulso do Colégio na Tijuca. Na época os seus pais já eram separados e para compensar a falta que fazia Mário Rodrigues, pai de Nelson, permitia sua visita no jornal Correio da Manhã.

Em 1925, com treze anos, Nelson inicia sua carreira como jornalista no A Manhã, jornal que tinha o pai do autor como dono. Ao ganhar coluna assinada na página do periódico ele começou a desenvolver seus modos literários criando diversos artigos. Por causa de um desses artigos Nelson teve que retornar a seção policial, pois atingia Ruy Barbosa. Em 1931 Mário Filho, irmão de Nelson, foi convidado a assumir a página de esportes do O Globo e levou com ele o autor.

Em 1941 escreveu sua primeira peça A mulher sem pecado. Apesar das tentativas Nelson não conseguiu que fosse encenada no ano. Mas em 1942 a peça é levada à cena pela "Comédia Brasileira", com direção de Rodolfo Mayer, mesmo assim não teve muita repercussão. Em 1943 escreve sua segunda peça e com ajuda de críticos que escreveram sobre os escritos conseguiu emplacar a peça Vestido de Noiva. Depois deste sucesso o autor passou a escrever outras peças que foram encenadas e para os jornais da época.

Nelson Rodrigues faleceu na manhã do dia 21 de dezembro de 1980. No fim da tarde daquele dia ele faria treze pontos na loteria esportiva, num "bolo" com seu irmão Augusto e alguns amigos de "O Globo".

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Dica da semana: Deus é Brasileiro

Ainda essa semana eu falei sobre algumas obras de João Ubaldo Ribeiro que foram adaptadasao cinema ou televisão. Agora vamos falar sobre uma história em especial tanto por uma adaptação recente de livros de Ribeiro quanto por ter batido recorde, segundo o site omelete de maior bilheteria nacional na época da sua estréia.

Lançado em 2003 o filme Deus é Brasileiro foi baseado na obra de Ubaldo O santo que não acreditava em Deus. O longa, dirigido por Carlos Diegues, tem como protagonista Antônio Fagundes como Deus e Vagner Moura como Taoca.

Com um toque de humor o filme mostra a história da procura de Deus de um substituto para que ele possa tirar férias. Com um enredo hilariante o longa bateu recorde de público na semana que foi lançada levando 200 mil telespectadores ao cinema.


Sinopse: Cansado de tantos erros cometidos pela humanidade, Deus (Antônio Fagundes) resolve tirar umas férias dela, decidindo ir descansar em alguma estrela distante. Para tanto precisa encontrar um substituto para ficar em seu lugar enquanto estiver fora. Deus resolve então procurá-lo no Brasil, país tão religioso que ainda não tem um santo seu reconhecido oficialmente. Seu guia em sua busca é Taoca (Wagner Moura), um esperto pescador que vê em seu encontro com Deus sua grande chance de se livrar dos problemas pessoais. Juntos eles rodarão o Brasil em busca do substituto ideal. Fonte: Adorocinema

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Adaptação de Ubaldo Ribeiro

Sempre me perguntei por que as obras de João Ubaldo Ribeiro não tinham sido adaptadas para o cinema ou TV, mas do autor eu só li dois livros, aos quais eu me apaixonei. Então fui olhar um pouco sobre a vida de João Ubaldo descobri algumas obras dele. Alguns desses livros, ao contrário do eu pensava, já tinham sidos adaptados ao cinema ou telenovelas.

Um exemplo foi Sargento Getúlio o livro publicado em 19871 foi transformado em filme em 1983. Dirigido por Hermano Penna o longa foi protagonizado por Lima Duarte e participou de algumas premiações como o Festival de Gramado 1983, o Festival de Havana 1983 (Cuba), Festival de Moscou 1983 (Rússia), Troféu APCA 1984, ganhando em algum deles.

Outras obras de Ubaldo também foram adaptadas como O sorriso do lagarto que foi adaptado para uma minissérie, O santo que não acreditava em Deus para a série Caso Especial. Além de terem sido comprados o direito autoral de Já podeis da pátria filhos e Viva o povo brasileiro.

Para a minha surpresa descobrir que em 2003 foi lançado o filme Deus é Brasileiro que tem roteiro baseado no livro de Ubaldo O santo que não acreditava em Deus.

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Livro que inspirou Matrix será adaptado ao cinema



Achou a trilogia Matrix um sucesso? Então o que você dirá da adaptação do livro que o inspirou? Pois é, os cyberpunk já podem ficar novamente felizes pois as produtoras Seven Arts Pictures e GFM Films conseguiram vender os filmes para alguns distribuidores e o filme será gravado. O longa que será baseado no best-seller de ficção-científica escrito por William Gibson poderá ter como protagonista o ator Bruce Willis e direção de Vincenzo Natali.



O livro “Neuromancer” é considerado a fundadora da literatura cyberpunk e ganhou três prêmios de ficção científica. Segundo o site MTV a história fala sobre o ex-hacker Case que não podia exercer a profissão por causa de um erro cometido ao tentar roubar os patrões. Impossibilitado de se conectar à Matrix, sem dinheiro, drogado e desempregado, ele conhece Molly, que tenta ajudá-lo.

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Resultado da enquete do Facebock

Matrix foi uma trilogia com produção conjunta entre os Estados Unidos e a Austrália. O primeiro filme foi lançado em 1999 e segundo site wikpédia teve custo 65 milhões de dólares. O filme foi dirigido pelos irmãos Wachowski e protagonizado por Keanu Reeves. 

O filme foi inspirado no livro Neuromancer de William Gibson que foi publicado pela primeira vez em julho de 1984. Obra de arte multimídia a história está presente em três filmes, nove desenhos animados Animatrix, em histórias em quadrinho e no jogo Enter the Matrix que completa a história do filme Matrix Reloaded.

O filme O Ultimato Bourne faz parte de uma série sobre a vida do agente Jason Bourne. O primeiro da sequência foi lançado em 2002, dirigido por Doug Liman e adaptado por Tony Gilroy e William Blake Herron. Já o seu ultimato foi lançado em 2007 e dirigido por Paul Greengrass. A sequência foi baseada em romance de Robert Ludlum.

Sete Vidas é um drama que estreou em 2002 e foi dirigido por Gabriele Muccino, com interpretação e coprodução de Will Smith. O roteiro do longa foi escrito por Grant Nieporte. O filme foi um grande sucesso mundial, mas dentre os filmes da lista foi o único que não foi adaptado ou baseado de uma obre impressa.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Lembranças sobre Memórias Póstumas de Brás Cubas


Lembro-me de ter lido o livro Memórias Póstumas de Brás Cubas quando eu tinha de 12 para 13 anos época em que passei a gostar mais de ler livros. Esta obra de Machado de Assis tinha ficado por um bom tempo esquecida na estante de lá de casa, nem lembro se minha irmã chegou a ler. O fato é que eu já tinha visto e pego no livro várias vezes mas nunca tinha me interessado por ele. Um dia enfim eu o peguei para ler. Confesso que naquela época e com aquela idade não tinha entendi muito as ideias colocadas ali, contudo terminei de ler.

Mas tarde, com 16 a 17 anos eu me deparei novamente com a obra, desta vez na versão filmográfica. Era o período em que eu começava a pensar em fazer vestibular e por isso me adiantava nas leituras e os filmes que iriam cair na prova. Na lista de filmes recomendados pela UFBA estava o livro Memórias Póstumas de Brás Cubas. Naquela época, como até hoje se não me engano, a Sala Alexandre Robatto exibia os filmes do vestibular da UFBA. Foi neste momento que eu consegui entender a profundidade da história de Memórias Póstumas.

Não sei se por ser muito nova para entender a história ou se a interpretação dos atores que fizeram perceber o quanto as histórias contadas pelo cinema sua beleza própria. O cinema tem uma forma de apropriação que transforma as histórias dando a elas uma forma, personalidade e um ritmo diferente do livro, o que tornou para mim a história de Brás Cubas muito mais interessante e dinâmica.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Malévola: conto de fadas será novamente adaptado ao cinema

Jolie interpretará Melévola no filme 

Com roteiro de Linda Woolverton (Alice no País das Maravilhas) o filme Malévola é uma adaptação de A Bela Adormecida na perspectiva da vilã da fábula.

Com estreia prevista para março de 2014 o filme terá em sua trama a interpretação de Angelina Jolie, como Malévola e Elle Fanning como Bela Adormecida.


Sinopse: Esta é a história não contada da vilã mais amada da Disney, Malévola, do clássico de 1959, A Bela Adormecida. O filme revela os eventos que endureceram seu coração e a levaram a amaldiçoar a bebê Aurora. Fonte: cinema10

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Filmes baseados na obra de Jorge


Parabéns Jorge
Hoje Jorge Amado completa 100 anos. E para parabenizá-lo vamos fazer um breve histórico sobre as obras de Jorge Amado que foram adaptadas ao cinema.

Em 1976 estreou o filme Dona Flor e Seus Dois Maridos. Dirigido por de Bruno Barreto que juntamente com Eduardo Coutinho e Leopoldo Serran adaptou a história. O longa levou 10 milhões de espectadores aos cinemas o que o tornou por 34 anos recordista de público no Brasil, só foi ultrapassado em 2010 por Tropa de Elite2. Em 1982 foi refilmado nos Estados Unidos da América como Meu Adorável Fantasma.

Em 1977 foi a vez de adaptação de Tenda dos Milagres. Dirigido por Nelson Pereira dos Santos o romance descreve cenas do início do século XX, onde Pedro Archanjo, o ojuobá (olhos de Xangô) defende os direitos dos negros e mestiços afrodescendentes.

Gabriela, cravo e canela foi lançado em 1983 e também por Bruno. A interpretação ficou por conta de Sônia Braga como Gabriela, Marcello Mastroianni como Nacib al Saad, Antônio Cantafora como Tonico Bastos e Paulo Goulart como João Fulgêncio.

Tieta do Agreste foi lançado em 1996 e dirigido por Cacá Diegues. Em 1989 a obra já tinha sido adaptada para a novela pela Rede Globo.

Já em 2010 tivemos a estréia de Quincas Berro D'Água que foi dirigido por Sérgio Machado.

No ano passado, como marco inicial das comemoração dos 100 anos de Jorge, houve o lançamento de Capitães da Areia. O filme dirigido pela neta do escritor, Cecília Amado, tem como tema a vida de meninos de rua da cidade do Salvador.